Análise de Fluídos

CONTAMINAÇÃO DE PARTÍCULAS EM FLUÍDOS

Análises de óleo conforme as normas ISO 4405, ISO 4406, ISO 4407 e ISO 18413 em sistemas hidráulicos nos setores automotivo, agrícola, hidráulico e aeronáutico.

No passado, as análises de óleo e líquido foram realizadas utilizando contadores de partículas de extrusão ou contadores de partículas ópticas (OPC), uma vez que a contagem microscópica na gama de 2 a 4 μm ainda não era tecnicamente possível.

Graças ao novo software de análise e ao melhoramento do microscópio e dos elementos de fixação do filtro, agora é possível focar automaticamente, gravar e medir partículas tão pequenas quanto a 2 μm.

analise-de-óleo

A tecnologia de análise microscópica tem várias vantagens sobre os sistemas de análise OPC:

Não existe mais um tamanho de partícula limitante, isto é, podem também ser examinadas partículas maiores do que 300 μm. Em contraste com o método OPC, o tamanho de partícula real é determinado e não apenas o diâmetro circular equivalente à área. É possível uma comparação entre laboratórios através de calibração reprodutível da tecnologia de medição. A presença de uma membrana filtrante arquivável permite uma posterior análise detalhada das partículas a serem realizadas. Outra vantagem importante é a independência dos líquidos de teste e as suas propriedades, e viscosidade, índice de refracção e estado de desgasificação. Graças a essas vantagens, um método de análise de partículas microscópicas é utilizado como referência nas análises de óleo.

A Enge Solutions realiza a análise de fluídos utilizando esta tecnologia de medição de última geração, análises precisas (conforme norma ISO 4406), detectamos tamanho de partículas a partir de 2 μm.